O que é a alergia alimentar em gatos? Veja o que ela pode causar

Publicado pela Equipe SERES | 10 julho 2022

#

A alergia alimentar em gatos também pode ser chamada de dermatite trofoalérgica ou hipersensibilidade alimentar. Essa doença apresenta sinais clínicos variados e pode ser difícil de ser diagnosticada, mas tem tratamento. Conheça mais sobre ela e descubra o que a causa. 

alergia-alimentar-em-gatos

O que é alergia alimentar em gatos?

O gato com alergia alimentar reage de forma diferente à ingestão de componentes da dieta que normalmente seriam bem aceitos. É desencadeada uma resposta imunológica (do sistema de defesa) onde há inflamação local e sistêmica, que resulta nos sinais da alergia alimentar em gatos.

Por isso, é muito importante que, caso o tutor note qualquer sinal clínico  no pet, leve-o ao médico-veterinário. Afinal, com cuidados na alimentação e alguns ajustes, é possível fazer o pet melhorar e voltar à rotina normal.

Vale lembrar que a alergia alimentar pode acontecer em gatos de qualquer idade. Muitas vezes, enquanto jovem, o organismo já entende que aquele alimento em especial não é bom. No entanto, as manifestações clínicas podem ser desenvolvidas apenas meses ou anos comendo o mesmo alimento. 

Quais são os sinais de alergia alimentar em gatos?

Os sintomas de alergia alimentar em gatos podem variar bastante.  Muitas vezes, eles se confundem com outras doenças, com a mesma sintomatologia, sejam elas cutâneas ou gastrointestinais. Porém, entre as possíveis manifestações, estão: 

  • Prurido (coceira) de intensidade variável, nas regiões lombar, abdominal, inguinal, facial, em axilas, orelhas, membros torácicos e pélvicos, ou generalizado;
  • Lesões cutâneas consequentes do prurido;
  • Alopecia (queda de pelo) parcial ou total; 
  • Eritema ‒ vermelhidão da pele devido ao processo inflamatório e vasodilatação; 
  • Otite externa em um ou ambos ouvidos, junto aos demais sinais às vezes. No entanto, é possível que seja a única manifestação clínica de alergia alimentar em gatos;
  • Êmese (vômito) e diarreia.

Que outras doenças podem ser confundidas com a alergia alimentar nos felinos? 

O diagnóstico de alergia alimentar em gatos pode ser bastante complicado, pois há inúmeras doenças que causam os mesmos problemas. É o que acontece, por exemplo, com:

  • dermatite atópica;
  • dermatite alérgica à picada de ectoparasitas (DAPE);
  • doença inflamatória intestinal;
  • sarna;
  • foliculites bacterianas;
  • alterações hormonais;
  • seborreicas, entre outros.

alergia-alimentar-em-gatos

Como é feito o diagnóstico?

Existem alguns testes de alergias que o médico-veterinário pode realizar. No entanto, estes testes são controversos e não há uma padronização do diagnóstico de alergia, comumente o diagnóstico terapêutico é adotado. Uma possibilidade diagnóstico-terapêutica é a alimentação natural para gatos, onde o objetivo é restringir os possíveis ingredientes alérgenos. 

O médico-veterinário vai indicar aquilo que o pet pode e não pode comer. No geral, esse processo dura em torno de oito semanas. A partir daí será decidido se o pet irá manter a dieta hipoalergênica ou voltar a comer possíveis alimentos causadores de alergia.

Isso permite que o profissional busque pelo alimento que está provocando a reação alérgica, e se chama “exposição provocativa”. No entanto, mesmo assim, nem sempre é possível encontrar a origem do problema.

Como é feito o tratamento de alergia alimentar em gatos?  

Quando o alimento causador da alergia é encontrado, ele deve ser eliminado da dieta do animal. Possivelmente o médico-veterinário irá prescrever uma ração para gatos com alergia alimentar, ou ração hipoalergênica, se for adequado ao seu pet. Esta ração é isenta dos principais alergênicos para gatos, como a carne, frango e glúten.

Além disso, o profissional pode prescrever medicamentos para tratar os sinais clínicos causados pela alergia, se julgar necessário. Por exemplo, se for manifestação de pele, ele pode indicar shampoos hipoalergênicos e antialérgicos orais. No caso da diarreia, além da troca de alimentação, por exemplo, há indicação de probióticos. Tudo depende das manifestações causadas pela alergia. 

Entretanto, sempre há um tratamento que pode ser feito para melhorar a qualidade de vida do pet. Por isso, durante esse período, é essencial que o tutor siga todas as recomendações e evite os alimentos indicados. Só assim ele pode ajudar o pet a melhorar a própria condição de saúde. 

alergia-alimentar-em-gatos

Por fim, além da alergia alimentar em gatos, há outras que podem acometer os bichanos. Veja quando desconfiar delas

Aqui você encontra artigos incríveis sobre saúde e cuidados que podem ajudar a melhorar o bem-estar de seu bichinho de estimação, seja qual for a espécie do pet. Afinal de contas, o nosso instinto é cuidar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas

Ver todas notícias
Gato polidáctilo: o que o tutor deve saber?

Gato polidáctilo: o que o tutor deve saber?

#gatos
28 janeiro 2023

A polidactilia é uma condição em que o animal apresenta um ou mais dedos além do normal. O gato polidáctilo […]

Continuar lendo
Alimentação do gato: o segredo da longevidade!

Alimentação do gato: o segredo da longevidade!

#gatos
30 dezembro 2022

Fornecer a melhor dieta possível para seu felino é a maior contribuição para sua saúde e gesto de amor que […]

Continuar lendo
Conheça os benefícios que a clorofila para gato oferece

Conheça os benefícios que a clorofila para gato oferece

#gatos
07 dezembro 2022

Você já deve ter observado que muitos gatinhos gostam de comer plantas. Esse é um hábito que pode trazer muitos […]

Continuar lendo
Gato ansioso: um problema comum nos dias de hoje

Gato ansioso: um problema comum nos dias de hoje

#gatos
05 dezembro 2022

Os gatos são animais muito peculiares e que nem sempre demonstram de maneira clara — ao menos aos olhos humanos […]

Continuar lendo
O que fazer com o gato com imunidade baixa?

O que fazer com o gato com imunidade baixa?

#gatos
02 dezembro 2022

Todos nós, em algum momento da vida, já nos deparamos com alguns questionamentos a respeito de imunidade, tanto das pessoas […]

Continuar lendo
Gato muito magro: o que pode ser?

Gato muito magro: o que pode ser?

#gatos
01 dezembro 2022

O peso dos animais geralmente é um padrão que muitos tutores adotam para indicar se o pet está saudável ou […]

Continuar lendo
Percebeu o gato soltando muito pelo? Nós podemos te ajudar!

Percebeu o gato soltando muito pelo? Nós podemos te ajudar!

#gatos
16 novembro 2022

Todo tutor sabe que gatos perdem pelo e, às vezes, até parece que é proposital. Porém, um gato soltando muito […]

Continuar lendo
Confira dicas de como limpar dente de gato

Confira dicas de como limpar dente de gato

#gatos
15 novembro 2022

Para manter a saúde e os cuidados do seu bichano em dia, além das vacinações, vermífugos, brincadeiras e cuidados com […]

Continuar lendo
Dente de gato caindo: saiba se isso é normal

Dente de gato caindo: saiba se isso é normal

#gatos
12 novembro 2022

A maioria dos tutores de gato são muito atentos a tudo o que acontece com eles. No entanto, alguns problemas […]

Continuar lendo

Assine nossa newsletter e receba novidades.